Oficina de Educação Contextualizada foi realizada pelo MOC em Biritinga

Oficina de Educação Contextualizada foi realizada pelo MOC em Biritinga

20/06/2018

#MOC_PorsertaoJusto

O Projeto Cisternas nas Escolas, desenvolvido pelo Movimento de Organização Comunitária (MOC), em parceria com Articulação Semiárido Brasileiro (ASA) e com apoio do Ministério de Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA), realizou nos dia 18 e 19, no município de Biritinga, uma Oficina de Educação do Campo Contextualizada, como parte do primeiro módulo de formações do projeto.

A atividade contou com a participação de mais de 30 educadores e educadoras das 19 escolas do campo, nas quais serão construídas as cisternas escolares, sendo facilitada pela técnica do Programa de Educação do Campo Contextualizada (PECONTE/MOC) Ana Paula Duarte com a colaboração de Jutaí Santos (Coordenador do Projeto), recebendo a visita do Prefeito Municipal Antonio Celso Queiroz, bem como da Secretária de Agricultura Zélia Oliveira no segundo dia de oficina.

“A oficina foi muito profícua, os educadores se envolveram com cada atividade proposta, trocaram bastantes conhecimentos, produziram maquetes e também sugestões de atividades para desenvolverem o direito à água e educação contextualizada”, disse Ana Paula relatando como aconteceu os momentos dessa formação, com muitas partilhas de saberes sobre a realidade do campo, contextualizando as riquezas do Semiárido.

Vale ressaltar, que o projeto Cisternas nas Escolas tem como proposito levar água para as escolas rurais do Semiárido, com uma cisterna que armazena 52 mil litros, levando ainda um processo de formação e mobilização da comunidade escolar sobre o manejo da água, relacionando com temas da Convivência com o Semiárido. Por isso, chama-se de “Água de Educar” (Expressão usada pela ASA), pois trabalha na educação contextualizada, a realidade do campo, buscando garantir um melhor funcionamento desses espaços e formas de aprendizados.




Por: Robervânia Cunha
Programa de Comunicação do MOC (PCOM)