2ª Oficina de Atualização do Plano Local de Direitos do MOC aconteceu em Feira de Santana

2ª Oficina de Atualização do Plano Local de Direitos do MOC aconteceu em Feira de Santana

18/01/2018

#MOC_PorumSertaoJusto

Nos dias 16 e 17 de janeiro, aconteceu em Feira de Santana, de forma bastante produtiva, a 2ª Oficina de Atualização do Plano Local de Direitos do MOC através da grande parceria com a instituição internacional Actionaid, que desenvolve junto ao Movimento de Organização Comunitária - MOC ações de enfrentamento as desigualdades sociais e humanas, na busca de garantia de direitos para populações mais carentes e sem acesso as políticas públicas como direito, no contexto do Semiárido baiano, com foco nas comunidades rurais, que lutam para conquistar mais dignidade, autonomia e liberdade, convivendo com suas realidades e raízes.

O encontro contou com a participação de representantes de cada programa do MOC sendo eles, Programa Água, Produção de Alimentos e Agroecologia - PAPAA, Programa de Fortalecimento de Empreendimentos Econômicos Solidários - PFEES, Programa de Educação do Campo Contextualizada - PECONTE, Programa de Comunicação - PCOM e Programa de Gênero – PGEN, como também jovens multiplicadoras que atuam diretamente nas comunidades dos municípios, onde o projeto atua e ainda a Coordenadora Pedagógica do MOC Vandalva Oliveira, sendo mediada por Sérgio Costa da Actionaid.

As atividades iniciaram com uma retrospectiva do que foi trabalhado e vivenciado na primeira oficina, realizada em julho de 2017, assim como retomando algumas discussões sobre o embasamento das ações em campo, relatando avanços e desafios para execução de cada ação. O Plano Local de Direitos - PLD é um plano de parceria entre o MOC e Actionaid desenvolvido através do projeto Parceiros/as por Um Sertão Justo, que trabalha e luta para que os sujeitos excluídos sejam protagonistas na busca e conquista de direitos, os públicos priorizados são voltados para Educação de Qualidade, Alimentação Saudável e Mulheres.

Dessa forma, os momentos se dividiram entre diagnosticar e pontuar os elementos importantes do último encontro, revisando a execução do projeto durante os cincos anos de parceria, ou seja, monitorar e discutir mais detalhadamente como se deu a caminhada e passos desenvolvidos. Assim como planejar a continuação dessa parceria, por mais três anos, levando em consideração as mudanças necessárias para que se conquiste um sertão cada vez mais justo. “É a partir desse diagnóstico, que podemos chegar às metas, sabendo aonde se quer chegar, o que agora queremos atingir como resultados, para os próximos anos”, enfatizou Sergio Costa.

Segundo Vandalva Oliveira é fundamental para o MOC poder contar com parceiros, que comungam dos mesmos ideais, que abraça as causas e lutas que garante uma vida mais digna no Semiárido. “Actionaid é um parceiro que geme com a gente, que rir com a gente, que sabe dos desafios que estão postos pra gente construir esse Sertão mais justo, que tem haver com a qualidade da educação das crianças nas escolas, que tem haver com um modelo de relação, que se estabelece no campo das diversidades dos sujeitos, que existe nesse sertão, que tem haver com um modelo de produção, que tem haver com o manejo do solo, das sementes, das águas, tem haver com as relações de poder (...). Esse sertão justo ele só vai acontecer, baseado nessa problematização e na busca de outra lógica, por que as que estão aí, à gente não aceita. Acreditando nisso, que é possível fazer um sertão mais justo”, frisou Vandalva agradecendo a participação de Sérgio e cada um/uma, que contribui e a credita nas mudanças e transformações de vidas no Semiárido.



Por: Robervânia Cunha
Programa de Comunicação do MOC - PCOM